turma a

O Instituto Rio Branco, responsável pela formação inicial e aperfeiçoamento de funcionários do Ministério das Relações Exteriores, realizou formatura das turmas 2014-2015 e 2016-2017 de seu Curso de Formação em Diplomacia. A cerimônia foi realizada no Palácio Itamaraty, no dia 20 de abril de 2017, e contou com a participação do presidente da República Michel Temer, do ministro das Relações Exteriores Aloysio Nunes Ferreira, do senador Eunício Oliveira, presidente do Congresso Nacional, de embaixadores brasileiros e estrangeiros, dentre outras autoridades.

 

turma a turma b

 

As turmas 2014-2015 e 2016-2017 escolheram como paraninfo o embaixador Sérgio França Danese, ex-secretário-geral das Relações Exteriores, e como patronos Dom Frei Paulo Evaristo Arns, falecido em 2016 e Arcebispo Emérito da Arquidiocese de São Paulo, e Bertha Lutz, bióloga brasileira falecida em 1976. Danese afirmou em seu discurso que os patronos foram “dois expoentes da civilização brasileira” que a escolha revela “o culto da sabedoria, da abnegação e do pluralismo de ideias e concepções e a sua admiração por aqueles que dedicam suas vidas a fazer do Brasil um país de excelência” por parte dos novos diplomatas.

 

frei Bertha_Lutz_1925

 

Em adição ao discurso proferido pelo embaixador Danese, proferiram discursos o presidente Temer, o ministro Nunes e os terceiros secretários João Soares Neto e Camila Neves Moreira, oradores das turmas 2016-2017 e 2014-2015, respectivamente.

 

temer Em seu discurso, o presidente Temer disse que “este é um momento muito especial para os  formandos do Instituto Rio Branco. Para seus familiares que conquistam importante vitória. É,  aliás, um momento muito especial para o Itamaraty, que recebe o valioso reforço de novos  funcionários selecionados e preparados na melhor tradição da nossa Chancelaria. (…) É um  momento muito especial, portanto, para o Estado brasileiro, que vê valorizados o profissionalismo  e a meritocracia, que são referências para o nosso serviço público”. Ademais, o chefe de Estado  fez ponderações sobre temas de política externa brasileira e diplomacia, trazendo à tona as  transformações recentes da participação brasileira no ambiente internacional, como na negociação  econômica entre Mercosul e União Europeia.

O chanceler Aloysio Nunes, por sua vez, afirmou que “na defesa de nossos interesses globais, é preciso granjearmos, cada vez mais, poder para influir de modo decisivo. Essa influência se conquista com esforço metódico, com avanços econômicos, mas também científicos, culturais, tecnológicos e de cooperação, capazes de imprimir densidade em nossas relações com outros países.(…) O Brasil é visto como uma grande democracia, um país amante da paz, comprometido com o direito internacional e a solução pacífica de controvérsias. (…) É um país que se pauta pelo respeito às instituições multilaterais e pela busca concertada de soluções para os grandes desafios globais, em áreas como comércio e finanças, paz e segurança, democracia, direitos humanos e mudança do clima”.

instituto-rio-branco-div300

A formatura das turmas do Instituto Rio branco ocorre, normalmente, no dia 20 de abril, data em  que se celebra o dia do diplomata, em alusão ao aniversário de José Maria da Silva Paranhos, o  Barão do Rio Branco, reconhecido como o “patrono da diplomacia brasileira”. Além de selecionar os ingressantes na carreira e realizar o Curso de Formação para os novos diplomatas, o Instituto é responsável pelo Curso de Aperfeiçoamento e pelo Curso de Altos Estudos aos quais os diplomatas se submetem ao longo da carreira.

 

Os discursos completos podem ser assistidos e lidos no site do Itamaraty.

 

Autor: Wilson Fernandes Negrão Júnior