O dia 22 de maio é celebrado mundialmente como o Dia Internacional da Diversidade Biológica. Instituída por uma resolução da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas, A/RES/55/201, a data celebra a conservação da biodiversidade e afirma a importância de toda a humanidade em defendê-la.

 

idb-2017-logo-en2 (1)

 

Segundo o ex-Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, “este Dia Internacional serve para lembrar a importância de biodiversidade do planeta e pretende chamar a atenção para as devastadoras perdas que estamos sofrendo em um momento em que espécies insubstituíveis se extinguem em um ritmo sem precedentes. A preservação da preciosa biodiversidade de nosso planeta é essencial para o desenvolvimento e a segurança. Não são apenas os animais e culturas das zonas agrícolas, mas também os muitos milhares de plantas e animais que existem nas florestas, nos oceanos e em outros ecossistemas que precisam ser protegidos para preservar o equilíbrio ambiental fundamental do planeta”.

 

Biodiversidade

 

Quando da elaboração da resolução A/RES/55/201, os países membros da ONU apontaram dificuldades e agravantes à situação da biodiversidade no mundo, defendendo sua conservação e uso sustentável de seus componentes, dentre os quais se encontravam muitas espécies de plantas e animais em risco de extinção. Outro agravante, como aponta Ban Ki-moon, seria a mudança climática: As variações de temperatura e do volume de precipitações estão causando danos enormes nas culturas agrícolas. Os peritos dizem que estes fatores poderão custar à parte sul da África até 30% das suas colheitas de milho até 2030. A diversidade das culturas e dos animais de pecuária é a nossa maior garantia contra as mudanças climáticas.

 

degelo

 

Em relação a isso, o sul-coreano também afirma que “a produção animal é por si mesma um fator determinante das mudanças climáticas, pois é responsável por mais emissões de gases que aumentam o efeito estufa do que os transportes. Este setor representa uma ameaça direta para a biodiversidade; aproximadamente um quinto da biomassa animal terrestre destina-se aos animais de pecuária – terras que já foram habitat de fauna e flora selvagens e que poderiam ajudar a atenuar consideravelmente os impactos das mudanças climáticas. Em um mundo em que se prevê que a população aumentará 50% até o ano de 2050, estas tendências poderão muito bem significar fome e desnutrição generalizadas, criando condições favoráveis ao alastramento da pobreza, de doenças e mesmo de conflitos”.

Atualmente, a biodiversidade está intimamente relacionada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável acordados pela Organização das Nações Unidas. O Objetivo 15, relacionado à gestão sustentável de florestas, ao combate à desertificação, à reversão de degradação de terras e à eliminação da perda da biodiversidade, busca chamar a atenção da comunidade internacional sobre a necessidade de firme atuação por parte de Estados, empresas, sociedade civil e organizações não governamentais para proteger os ecossistemas e garantir a preservação da natureza.

 

Conheca-a-Fauna-Brasileira-7-1

 

Em 2017, o tema escolhido para a celebração do Dia Internacional da Diversidade Biológica foi “Biodiversidade e Turismo Sustentável”. De acordo com a ONU, “a diversidade de espécies, ecossistemas e paisagens atrai o turismo e promove o crescimento económico. Por sua vez, um setor turístico bem gerido pode ajudar a reduzir as ameaças a populações-chave da vida selvagem, e pode manter ou aumentar a biodiversidade, através das receitas do turismo. A celebração do Dia Internacional da Diversidade Biológica sob o tema ‘Biodiversidade e Turismo Sustentável’ é uma oportunidade para aumentar a conscientização sobre a importante contribuição do turismo sustentável para o crescimento econômico e para a conservação da biodiversidade”.

 

Saiba mais sobre o curso a distância sobre Direito Ambiental Internacional clicando aqui.

Para saber mais sobre o Objetivo 15 de Desenvolvimento Sustentável, clique aqui.

A Resolução A/RES/55/201 pode ser conferida aqui.

Para acessar a notícia da Organização das Nações Unidas sobre o tema, On Day for Biological Diversity, UN says tourists must protect nature that draws them, clique aqui.

 

Autor: Wilson Fernandes Negrão Júnior